16 de julho de 2006

Arrependimentos

Esse é o tipo de coisa que todos guardamos e quase nunca nos traz nenhum benefício.
Tá certo que é bom analizarmos nossos erros passados e os usarmos como base para as nossas experiências futuras, mas ficar se martirizando o tempo todo é uma tortura sem sentido. Esqueça o se: "se eu tivesse agido desta forma...", "se eu tivesse dito aquilo...". O se não existe. O que está feito está feito. Só se lembre de ter mais calma e ser mais racional no futuro.


Um comentário :

Pathy disse...

- José de Morais (porhoje.blogspot.com) disse...
Creio que existe um arrependimento saudável. Mas viver lamentando os erros do passado realmente não é saudável.
20/07/2006