25 de fevereiro de 2006

Pensamentos...

Estou aqui há horas tentando escrever algumas poucas linhas dos pensamentos todos que me rodeiam.. e dos sentimentos também!.. que confusão! .. as palavras não fazem sentido algum.. não consigo terminar uma frase sequer!!...

Conheço uma pessoa que tem uma teoria interessante.. - nós temos, pelo menos, 70 mil pensamentos por dia, e eles - pasmem! - se repetem todos os dias, mas nós nem damos conta disso! E mais, todos eles acontecem um de cada vez, por mais que pareça o contrário.
Wow! 70 mil pensamentos por dia é muito! Dar conta de 10 já é lá um sacrifício!!...

E quantas historinhas a gente cria, então? Com roteiro, personagem principal, cenário, falas, público.. começo, meio, fim? Todas dentro da nossa cabeça... Até onde tudo é realidade? E em que ponto passa a ser? Com tantas historinhas criadas, quantas delas são cenas reais? E quantas nunca vão ser? E quantas vezes, por causa dessas mesmas historinhas, não arrumamos a maior confusão? Sim, porque a historinha tá toda pronta, mas nem sempre as cenas/falas reais condizem com as que nós criamos...
E quantas vezes vivemos as historinhas mas esquecemos de viver a vida, a vida de verdade? E se a gente não inventasse mais historinhas?!
- Acho que daria mais certo! A gente sonharia menos e viveria mais, choraria menos e riria mais, a gente se frustraria menos e seria mais feliz!!!


24 de fevereiro de 2006

Poema Pueril

Ao som de uma bossa
Mais uma fossa.
Licor velho no copo
Oco no corpo
Grito rouco
Dentro de mim.
Mar sem fim!
Piano de Jobim!
Vinícius louco!
Espere um pouco -
Lembranças sem fim!


22 de fevereiro de 2006

Que surpresa!!

Eu tô muito feliz!!
Hoje abri o orkut e tive uma grande surpresa: minha prima me achou e estava lá, esperando pra ser adicionada! Nem acreditei!
Tantos anos se passaram sem eu ter uma notícia sequer.. sabia que ela estava bem, que tinha um filho.. mas era só.. As notícias nunca passavam de uma ou duas frases...
E o recado que ela deixou é tão lindo, que deveria virar um depoimento!! Meus olhos se encheram d'água...
Estou mesmo feliz, por saber que, assim como eu, ela também não me esqueceu! mesmo com a distância, com os caminhos tão diferentes que seguimos... E o tempo que nos separa é tão grande.. 8, 10 anos talvez.. nem sei..


20 de fevereiro de 2006

Secret Smile

Nobody knows it but you've got a secret smile
A
nd you use it only for me
Nobody knows it but you've got a secret smile
A
nd you use it only for meSo use it and prove it
Remove this whirling sadness
I'm losing, I'm bluesing
But you can save me from madness
Nobody knows it but you've got a secret smile
And you use it only for me
Nobody knows it but you've got a secret smile
And you use it only for me
So save me I'm waiting
I'm needing, hear me pleading
And soothe me, improve me
I'm grieving, I'm barely believing now, now
When you are flying around and around the world
And I'm lying alonely
I know there's something sacred and free reserved
And received by me only

A secret smile...


19 de fevereiro de 2006

Domingo

Esse dia tão temido que fica em lugar nenhum do meu calendário emocional; fica entre o carnaval e a quarta-feira de cinzas, entre o passado irremediável e o porvir imprevisível. Tão leve, tão inútil e, por isso, tão insuportavelmente pesado.
Desejo que nada importante aconteça nesse dia; ninguém deve morrer ou nascer e os telefonemas, caso aconteçam, devem ser fúteis e breves nesse dia, que, na verdade, não existe.
- Aluisio Aderaldo Mar -


17 de fevereiro de 2006

AHhhhhhhhhh

Putz!! NINGUÉM MERECE!!!!
São 22:38h e eu tô aqui, no laboratório da faculdade, assistindo uma aula de java, com uma professora que fala tão mole, que parece que tá morrendo...
A matéria já é um saco, e ela não ajuda!!!!
Ninguém merece mesmo!!! aaaahhhhhrrrrrrr


16 de fevereiro de 2006

Nosso Blog

Hoje, depois de quase 1 e meio de blog, eu finalmente tenho um contador de visitantes!!
rsrsrs

É Nina.. 1 ano e meio se passou.. você começou essa história de blog dia 12.08.2004, pode?! E eu tive que fazer o mesmo, só pra postar nele... rsrsrs
Engraçado, né.. naquela época nem me passava pela cabeça ter um blog, nem entendia nada disso, e sofri um bocado no começo... www.pathypimentinha.blogspot.com!! hahaha
Lembro que perdi noites e noites de sono por causa dos posts, depois por causa dos comments, até hoje os acentos não funcionam!!...rsrsrsrs
Que evolução!!! Daquele primeiro blog pra este aqui, e agora pro República Insana... nem dá pra acreditar!!! :-))

Mas o tempo... nossa!.. como ele voa, não é?! Nem parece e já temos nossos blogs há 1 ano e meio... Mas mais que isso - mais 1 ano e meio se passou!!!...


15 de fevereiro de 2006

Olha só o que eu recebi...


14 de fevereiro de 2006

Uma Prova de Amor

Ontem estava assistindo "Lost" - acho que um episódio qualquer, nunca tinha visto antes...
Mas até onde entendi, algumas pessoas estavam num avião que caiu numa ilha, e eles estão perdidos e tendo que sobreviver. Mas isso não importa...
O que importa foi a cena que eu vi, que me emocionou de verdade... uma prova de amor!!!
Tem um casal, ela está grávida de uns 7/8 meses e ela "montou acampamento" na praia, mas o marido odeia a idéia e quer fica numa caverna. E eles estão nessa briga há algum tempo...
Então eles fazem um trato - se ele conseguir amendocrem, ela vai com ele pra caverna.
Ele saiu andando pela ilha, caminhou por algum tempo, falou com algumas pessoas, e claro, não encontrou.
Mas quando voltou, tirou um pote de vidro (vazio) da mochila e disse pra ela que aquele era o melhor e mais cremoso amedocrem que poderia existir.. abriu e enfiou o dedo no pote e depois lambeu, dizendo estar delicioso! E ofereceu pra ela... que rindo, aceitou!
- não preciso dizer mais nada, né?!


13 de fevereiro de 2006

Tempo!

Tempo...
O conceito mais abstrato e mais estúpido da nossa sociedade.
Uns sentem falta dele. Outros gostam de o inventar. Outros ainda ocupam-no para gastá-lo.
Há quem peça tempo; há quem tenha tempo; há quem dê tempo; há quem perca tempo; há quem o ganhe e o desperdice.
Quando falamos em tempo olhamos invariavelmente para um dos pulsos, ou à nossa volta para um dispositivo qualquer que tem por função dizer-nos em que fase dele estamos.
Por ele e nele corremos, por causa dele nos enervamos e perdemos a paciência, e sem ele ficamos perdidos.
A todos aqueles que vieram aqui com ou sem tempo, na esperança de gastar tempo ou de passar um tempo agradável, de antemão aviso que não houve tempo de pensar com tempo no post de hoje. Me dêem mais um tempo...


12 de fevereiro de 2006

República Insana

A República Insana - nome dado por um dos intgrantes, a Nina, está toda reúnida hoje!
Bebemos caipirinha, dançamos salsa, forró, samba de gafieira, samba rock, zouk -... ah!! pera...
Vamos apresentar a República Insana:
- Kinhu, moreno, alto, barriga de tanquinho, estudante de línguas!
- Eric, loiro, alto, olhos azuis, professor de dança de salão, toca violão, consultor de informática!
- Nina, morena, maravilhosa, cabelos longos, estudante de medicina!
- Mau, moreno, alto, imitador de vozes e personagens, comprador!
- Rapha Smurf, conhecedor dos bastidores da informática, dominador da arte de fazer molhos!
- PathyPimentinha, dona da rep.

Então, sábado de chuva, estamos todos reunidos jogando scotland yard, depois de muita zoeira, leitura de trechos de "Bruna Surfistinha", dança de salão, comilança de arroz de forno, e bebedeira total!!! Nem acredito, uma noite só nossa, só pra nós!!!!
auhauahhuahuahuhauauahuahauhauhau


11 de fevereiro de 2006

Uns dias de fúria!!..

Quem aqui não conhece a sigla TPM?
Eu duvido que exista um único ser neste planeta que não sabe do qu eu estou falando!
Tá, eu concordo.. ninguém sofre igual a ninguém, até porque cada um é de um jeito, mas que todo mundo sabe do que se trata, ah.. sabe!!!
Os sintomas são muitos, os mais variados possíveis: dores, carência, solidão, irritabilidade, nervosismo, ansiedade, tristeza, dúvidas, medos... a lista é enorme!!
A gente fica irritada, chora de verdade, reclama na orelha dos amigos do trabalho/escola, aluga o rolo/namorado/marido, choraminga com alguma amiga paciente, perde a paciência e briga com todo mundo, questiona tudo e todos, e fica pior ainda quando não encontra resposta nenhuma.

Eu costumo nos comparar com uma panela de pressão! É, isso mesmo... igualzinho.. a gente vai esquentando, aí a pressão vai aumentando, e a gente fica em ponto de explodir.. e muitas vezes até com a gente mesmo. [ E tenho certeza que a gente paga todos os pecados - os que já cometeu até o momento e os que ainda vai cometer! rsrsrs ]
Os amigos acabam por entender; a família fica louca, junta os chiliques da TPM com as brigas normais e faz um bolo só; os rolos/namorados/maridos usam essa situação a favor deles sempre que podem... afff... ninguém merece!!!
Quem tem, sabe bem do que estou falando e que não tem (alguém aí não tem?!), pode imaginar!

O ideal nesses dias é não fazer nada. Não tomar decisões importantes, não começar discussões, não arrumar confusões, porque a gente acaba mesmo se enforcando com a própria corda. Mas quem disse que a gente consegue?! São nesses dias que a gente se sente mais forte pra sair chutando tudo (tudo e todos que incomodam, irritam e aborrecem), ganha coragem pra enfrentar o chefe, o pai, o namorado.. e a gente age mesmo por insinto (o que acaba gerando uma energia muito maior!! (porque quando a gente pensa, a gente não "é" mais.. e tudo muda!)) sem saber de nada, sem pensar em nada, sem sequer tomar conhecimento... depois se arrepende da maioria das coisas que fez ou disse. Aí vem a sessão desculpas... que acaba sendo invitável!!!

E quando a gente pensa que tudo passou, que está tudo no seu devido lugar, que está tudo voltando ao normal, lá se foi o mês e começa a TPM outra vez!!
Saiba mais aqui: http://www.tpm.com.br/


10 de fevereiro de 2006

...

Adormeci, sonhei, sonhei com você
Teu corpo nu, encostado ao meu, me envolvia
Tua pele acariciava a minha, num abraço quente, despertando o fogo que arde em mim
Nossas bocas colaram-se em beijos molhados e macios
Minhas mãos percorreram teu corpo, sentindo teu calor
Te olhando nos olhos vi o teu desejo
Minha lingua seguiu teus contornos, te senti arrepiar, gemer
Nossos corpos entrelaçados, dançaram ao som do prazer, até á exaustão
Adormeci, sonhei, sonhei com você..
Tua cabeça repousava no meu peito, adormeceras comigo...


9 de fevereiro de 2006

minha mãe

Li esse poema (não sei quem escreveu) não sei onde, mas consegui ver minha mãe em todas as linhas dele...
Resolvi publicar!!...

Uma mulher independente
Que vai à luta
Que segue em frente
Na sua labuta

Remove perdas pesadas
Afasta os espinhos
Abre os caminhos
Dá largas passadas

Não a detém o cansaço
Ele é necessário para não pensar
Na urgência de um abraço
E no doce prazer de amar

Uma mulher independente
Auto suficiente
Tão grande, tão pequena
E literalmente carente!...


7 de fevereiro de 2006

Café com Bobagem

SONO
Hhmmh... que sono!!!
O dia nem começou e mal consigo manter os olhos abertos.. e eles são pesados, viu?! E olha que eu deitei cedo, e dormi pelo menos 8 horas, que dizem ser o ideal..
Pra ajudar meu chefe senta na minha frente, literalmente. Ele fica de frente pra mim da hora que chegamos até a hora de irmos embora.. ou seja, pago um king kong por dia!!!
Que malz!!!!

LIVRO
Um dia desses o livro da Bruna Surfistinha veio parar nas minhas mãos.
Eu não sabia sequer da existência dela, e se não fosse minha amiga me trazer o livro pra ler eu nunca teria me dado ao trabalho.
Mas.. vamos lá.. já foi metade do livro, e até o momento diria que é, no máximo, apenas curioso...

FILME
Assistimos 2 filmes muito velhos nesse final de semana - "As 7 faces do Dr. Lao" e "A Firma".
O primeiro parece filme de sessão da tarde, um velhinho chinês que tem certos poderes, tem idéias malucas e um circo onde ele é o mesmo e todos os outros personagens também...
O segundo é um policial, envolvendo um advogado com uma carreira brilhante e promissora, a máfia e o FBI numa rede de entrigas e mentiras.. claro, o mocinho se dá bem no final! Mas a trama é boa, vale à pena ir até o fim!

COMES e BEBES
O Macarrão, vinho branco, churrasco, cerveja, espetinho, caipirinha de saquê, salsicha, coca cola co limão, sanduiche, água, pizza, sorvete, vinho tinto, bolo de chocolate, Jack Daniels... e dá-lhe sal de frutas!!!!

TEMPERATURA
Quente!!! Quente o tempo todo, sem dúvida nenhuma! Deve ter feito uns 30 graus mesmo sendo madrugada! Janelas e portas abertas, ventiladores ligados, e ainda assim estava calor!!
Mas em alguns momentos...pegava fogo!!! ;-)) Aí, só tomando banho e milksheik de sorvete pra refrescar!!!

DIVERSÃO
Com o Mau por perto, ninguém fica mal. E se ele se juntar com mais 1 retardado que seja, aí o bixo pega! Agora, ele + 2 retardados, aí a casa cai! É diversão garantida ou seu dinheiro de volta!!!
E o final de semana foi risada do começo ao fim!!! Mau, Rapha, Eric, Kinhu, Nina.. todos juntos numa casa só!! rsrsrsrsrsrsrs


6 de fevereiro de 2006

Ah.. nããããoo...


5 de fevereiro de 2006

Quem decide como eu devo agir?

Outro dia recebi um email do meu chefe e encaminhei a pequena história pra alguns amigos. E pra minha surpresa, alguns me responderam o email de forma tão positiva que resolvi compartilhá-lo com vcs!!

Um colunista conta uma estória em que acompanhava um amigo à uma banca de jornais...
"O amigo cumprimentou o jornaleiro amavelmente, mas como retorno recebeu um tratamento rude e grosseiro.
Pegando o jornal que foi atirado em sua direção, o amigo do colunista sorriu polidamente e desejou um bom fim de semana ao jornaleiro.
Quando os dois amigos desciam pela rua, o colunista perguntou:
- Ele sempre te trata com tanta grosseria?
- Sim, infelizmente foi sempre assim...
- E você é sempre tão polido e amigável com ele?
- Sim, procuro ser.
- Mas por que você é tão educado, já que ele é tão inamistoso com você?
- Por que não quero que ele decida como eu devo agir."


4 de fevereiro de 2006

Passado..

Mesmo sem querer, hoje eu olhei para trás...
E eu encontrei você, encontrei lembranças
de um tempo que não volta mais.

Não senti vontade de ficar no passado,
muito pelo contrário, eu apenas olhei
Para trás e vi coisas boas que eu um dia vivi.

Era como se eu entrasse numa casa antiga
E apenas caminhasse nela sem em nada tocar.
Vi a poeira sob os móveis, me alertando
Que de nada adiantaria a poeira limpar.

Eu olhei para trás, mas não senti nenhuma dor.
Eu apenas entendi que cada coisa ficou em seu lugar.
Todo o sentimento e todo o amor,
É no passado que eles devem estar...
(Andrea BAG)


3 de fevereiro de 2006

Coisa boa

Coisa boa é copo d'água quando se está com sede
Quando se tem sono, uma rede ou cama pra se deitar
Um bom prato de comida quando a fome nos devora
Se tem vontade, ir embora sem ninguém nos segurar
Coisa boa é sonhar colorido, só mais cinco minutinhos
É ter quem se ama que coisas lindas nos diz
É seguir vivendo a vida como se nunca morresse
É arranjar no mundo um jeitinho de ser feliz
Coisa boa é paz de espírito
Viver com simplicidade
Deixar no mundo saudade
Por todo bem que se faz
Coisa boa é sentir na alma
O céu do amor sempre aberto
É colher o fruto certo
E afinal morrer em paz!
Ah! e quase esqueci..
Coisa boa é ser pedida em namoro
E ser acordada com beijinhos todo dia!!!


2 de fevereiro de 2006

meu pai

Outro dia recebi um email com essa msg.. E, mesmo sem perceber, acabei por validar cada linha, encaixando meu pai em cada uma delas..
Embora nem todas essas linhas sejam explícitas no dia a dia, pois nem tudo é falado ou demostrado com tanta clareza, eu sei que são verdades, que elas são realidade.. E ao final, quando terminei de ler, me dei conta de que ele cabe nessa mensagem inteira!! -

"Existe um homem que se esforça no cumprimento do dever para dar o bom exemplo...
Que fica humilde, quando poderia se exaltar...
Que chora a distância, a fim de não ser observado...
Que, com o coração dilacerado, se embrutece para se impor como juiz inflexível...
Que, ao fim da jornada, avidamente regressa ao lar para levar muito carinho, e, por vezes receber tão pouco...
Que está sempre pronto para oferecer uma palavra de ânimo ou mostrar, através do exemplo, uma atitude que possa ser imitada...
Que, muitas vezes, passa noites mal dormidas, decifrando os segredos da vida para transmitir ensinamentos...
Que, mesmo cansado, ainda consegue energias para distribuir confiança...
Que vibra, se emociona e se orgulha pelos feitos daqueles que tanto ama...
Esse homem, geralmente, se agiganta e passa a ter um valor sem igual quando deixa de existir para sempre...
Nunca perca, pois, a oportunidade de devotar muito carinho e amizade àquele que é seu melhor amigo: SEU PAI"
Pena que nem sempre eu demosntrei tudo isso, pena que ele não sabe disso, que é assim que me sinto e que é isso que eu penso.. mesmo quando faço tudo errado, mesmo quando não penso antes de agir, mesmo quando escolho outros caminhos que não os traçados por ele...
Mas um dia ele também vai descobrir isso tudo, assim como um dia eu também descobri!!!!


1 de fevereiro de 2006

Um só..

Só queria te ter nos meus braços. Sentir-te e dar-me em abraços.
Em beijos te amolecer. Em carícias te desprender de tabus e morais.
E ser eu. E seres tu. E nós, sermos um só.


- Luis Eusébio