5 de dezembro de 2007

Um outro país...

Passeando pelos blogs da minha lista, dei de cara com um post que fala de férias em outro país, e que tudo é muito legal lá fora, que é tudo muito melhor, e talz... e o post tem uns 40 comentários, desde "concordo", "descordo", "é hipocrisia", até análises mais profundas sobre detalhes do post em si. E isso me animou a escrever...

Morar fora tem muitas vantagens, e tem muitas desvantagens também, assim como morar aqui nesse nosso país. Seria mesmo muita hipocrisia dizer que é tudo maravilhoso lá fora, que tudo é bom, que tudo é muito melhor do que aqui, pois isso não é verdade.
Lá fora também tem preconceito, tem discriminação, tem corrupção, tem mal tempo, tem comida ruim, tem pessoas ruins... E também seria hipocrisia julgar o outro a partir de nós mesmos, pois cada um se identifica melhor com uma ou outra situação.

Eu morei em Londres por 2 anos. Me diverti muito, trabalhei muito, viajei muito mas chorei também, senti saudade também, amadureci minhas críticas e elogios ao Brasil, e também aprendi a criticar Londres, embora tenha sido pra mim uma segunda casa, e eu tenha me apaixonado.
Nesses 2 anos eu pude perceber o quanto podemos ser melhores todos os dias, e que o ideal seria juntar cada detalhe de cada país numa cultura só, pra ter um mundo melhor.
Por exemplo, os alemães não desperdiçam nada; os poloneses são extremamente objetivos, profissionalmente falando; os ingleses são egoístas o suficiente para não se prejudicarem; os portugueses são prestativos tanto quanto recebem em troca; os franceses são extremamente "regionalistas" priorizando o país deles; os americanos são patriotas e solidários entre si, e por aí vai.... Se houvesse uma chance de unirmos todas essas qualidades numa só cultura, aí sim, talvez, e só talvez, pois o homem ainda não é bom, teríamos um mundo melhor...
Enquanto isso não acontece, penso que devemos aproveitar ao máximo os exemplos e nos esforçar em replicar aquilo que for bom - não desperdiçar, não fazer corpo mole, ser claro e objetivo sempre que puder, cuidar do próximo, cuidar de si mesmo...

Do resto, viajar é maravilhoso, e se estivermos abertos e dispostos a novas experiências, é muito provável que nos encantemos com muitos detalhes de qualquer canto deste nosso país ou do mundo!!


Nenhum comentário :