21 de fevereiro de 2010

...

Estava aqui pensando... Filhos... Eu sempre penso em escrever um livro para os meus filhos (se eu os tiver, claro), contando os meus dias, meus medos, minhas preocupações, minhas alegrias e decepções, meus sonhos, meus desejos, meus erros, minhas presepadas, meus desejos, minhas lágrimas, meus desesperos... enfim... não pra contar da minha vida pra eles, mas pra quando eles lerem, verem que naquelas determinadas épocas eu também me sentia como eles, pra eles verem que nós não somos tão diferentes e que eu os compreendo mais do que possa parecer. Porque os filhos sempre vão achar que não são compreendidos quando querem algo e os pais dizem não, ou quando dão conselhos ou quando fingem não se importar pra que eles ganhem seu espaço, sua coragem, sua força, sua vontade própria...
E também pra eles saberem que tudo o que se faz tem uma consequência, e que só cabe a nós fazer o melhor de nossa vida, que só cabe a nós a nossa felicidade. E que também eles possam saber que eu vou estar sempre lá, ao lado deles, a vida toda...


Nenhum comentário :