24 de agosto de 2010

Enquanto espero...

Querer, apenas querer, sem nada pensar
Sentir sem planejar, sem organizar
Arrepiar, só de imaginar
Não precisa de mapa para me achar

Só não demora pra chegar
Meu pé gelado espera o seu para esquentar
Meu sorriso quer o seu para acompanhar
Minha mão quer a sua segurar
Te abraçar, nunca soltar
E meus olhos fechar
Sentindo assim
Querendo assim
E sendo sempre assim...
... desde sempre pra sempre!...


Nenhum comentário :