14 de junho de 2011

Uma conversa sobre o perdão...


Ela: pra mim, o que mais importa é se perdoamos e fomos perdoados, entende.. A vida da gente já é tão atribulada com tantos acontecimentos, e nós todos cometemos tantos erros, que guardar mágoas e não perdoar acaba atrasando mais ainda a vida da gente.. E de certa forma, sempre que uma relação acaba (seja ela qual for, ou como for), acabamos magoando e fomos magoados também, menos ou mais, de leve ou profundamente, e por isso falo de perdoar e ser perdoado.. não precisa exatamente existir um pedido de perdão, mas sentir isso, sentir que perdoou e foi perdoado é sempre bom, deixa a gente mais leve pra seguir adiante.. entende?! rsrs
Mas não culpo ninguém por não perdoar ou não ser perdoado.. nem julgo ninguém por isso também.. todo mundo tem limite, e cada um tem um jeito de sentir, de se resolver, de levar a vida.. E cada mágoa tem seu peso também, né!! rsrs

Ele: vc tocou num ponto importante, a questão do perdão, de perdoar e ser perdoado. Rancor é uma coisa que pesa demais, não? Ficar se remoendo, sentindo coisas negativas ou tendo pensamentos de raiva ou até mesmo ódio só faz mal pra gente mesmo.
Afinal de contas, se ficarmos remoendo algo negativo, estamos no fundo valorizando a pessoa que nos ofendeu, permitindo que a simples lembrança dela azede nosso dia, nossos pensamentos... é  dar audiencia pra quem não merece, não?


Nenhum comentário :