21 de dezembro de 2012

Uma conversa sobre o (des)amor...

O amor acontece, e até hoje não encontrei ninguém que explique como, quando, porque... simplesmente acontece!
O amor existe e todo mundo sabe disso. E é um sentimento forte, intenso, inteiro.
Mas.. e "desamor"? existe? É possível "desamar"? Como? Quando? Em que momento a gente passa a "desamar"? Por que?
Eu tenho uma teoria, se é que isso é possível e apesar de eu ser tudo menos teórica no assunto.. - assim como o amor acontece e a gente não pode explicar, o desamor não acontece nunca. A gente perde a vontade de estar junto, a vontade de dormir e acordar todo dia juntos, de fazer carinho, de dividir, de fazer o outro feliz, mas acho que não desama nunca.
O amor pode perder a força, o brilho, a intensidade... Pode não ser mais importante, pode não fazer mais diferença, pode não interferir mais... Pode não ter mais cor, cheiro ou sabor... mas acho que o amor já se eterniza a partir do momento em que nasceu.
Mas isso é só uma teoria, uma idéia que hoje me passou pela cabeça...


Conversa Moderna

- Pai, como é que eu nasci?
- Muito bem, tínhamos de ter essa conversa um dia!!!...
O que aconteceu foi o seguinte: Eu e sua mãe nos conhecemos e nos encontramos num Chat desses da Net, que existem para se conversar.
O papai marcou um interface com a mamãe num Cybercafé e acabamos plugados no banheiro dele.
A seguir, a mamãe fez uns Downloads no Joy Stick do papai e quando estava tudo pronto para a transferência de arquivo, descobrimos que não havia qualquer tipo de Firewall conosco.
Como era tarde demais para dar o ESC, papai acabou fazendo o Upload de qualquer jeito com a mamãe e, nove meses depois, o Vírus apareceu...


20 de dezembro de 2012

...




"Depois de algum tempo você aprende a diferença, 
a sutil diferença entre dar a mão e acorrentar uma alma..."


6 de dezembro de 2012

Pra vc!!

UM
PRA VC!!


16 de novembro de 2012

AMO muito tudo isso!! rsss



11 de novembro de 2012

Amei meu presente!!



3 de outubro de 2012

Os Nerd Pira!!! uhuhuh

Listinha de presentes pros Nerds!!



1. Ferrari Enzo RC Car
- além de ser uma réplica fiel, pode ser controlado por iPhone!!

2. Red5 Spy Hawk
- tem uma câmera de 5 megapixels com imagens em tempo real!

3. Dr. Who Sonic Screwdriver Universal Remote
- controle remoto universal e ainda emite sons da ficção

4. Option VIU² Camera
- transmite vídeos em tempo real para Android

5. Led Umbrella
- guarda-chuva que parece um sabre de luz - basta apertar um botão para iluminá-lo.


1 de outubro de 2012

Seis dicas para um bom debate

"Debate bom não é quando alguém ganha a discussão, mas quando quem vence é o bom senso e a clareza de visão, e quem perde é o engano, o preconceito e a ingenuidade."


26 de setembro de 2012

Como fazer amor em 10 passos


1. Olhe nos olhos e não desvie o olhar.
2. Toque com carinho o rosto, os cabelos, os lábios.
3. Beije. Beije muito. Brinque com os lábios, com a língua. Misture as salivas, sinta o sabor da boca toda. Ria.
4. Use as mãos. Acaricie o corpo todo, gentilmente mas com firmeza.
5. Abrace. O corpo todo. As pernas. Sinta o calor, a pele, as batidas do coração.
6. Use os 5 sentidos. Se embriague do cheiro, do gosto. Se esqueça do mundo.
7. Se aqueça no calor dos corpos. Se esbalde nas curvas, nos poros e arrepios.
8. Se entregue às sensações, às emoções, ao tesão à flor-da-pele.
9. Invada o corpo, de vagarinho. Deslizando cada pedacinho, sentindo o calor, a umidade. Saboreie o momento.
10. Exploda de prazer!

- Lembre-se: Dar não é fazer amor! -


20 de setembro de 2012

Manias.. Manias..



Eu tenho mania de acreditar que tudo pode ser melhor, de confiar demais nas pessoas, de me preocupar demais com o coração e os sentimentos dos outros...

Tenho mania de valorizar demais quem nem sempre merece, de tentar agradar a todos, de aceitar que cada um tem seu jeito de ser, de respeitar o espaço dos outros e ceder demais o meu espaço...

Tenho mania de apostar no bom senso e na bondade das pessoas, de acreditar que todo mundo tem sempre algo de bom pra dar, de tolerar demais as 'histórias mal contadas', as 'mentiras' e 'falsidades' com medo de julgar errado o outro, de tentar compreender demais pra não correr o risco de não dar aquela chance que tenho mania de acreditar que todo mundo merece...

Tenho mania de ser sincera demais, de sempre me explicar demais até pra quem não deveria, de tentar entender demais, de dar chance demais, de chorar a dor dos outros e fazer de tudo pra que eles não se percam nem percam o que tem de mais importante e valioso pra que não se arrependam depois - o que talvez seja uma grande tolice da minha parte, porque alguns só aprendem pela dor...
Fazer o que? Eu tenho mania de amar demais...

E você, tem mania de que?


19 de setembro de 2012

Sexo virtual é traição?

Num dos vários blogs que eu sempre leio, um dos posts era sobre assunto...
Nem preciso falar que o assunto dá muito pano pra manga... e nos comentários dos posts, não era diferente - muita discussão, muita opinião diferente... rsss

Mas gostei da frese que um anônimo postou (rsss):

O 'Ministério da Saúde Mental e Física do Homem/Mulher' Adverte:
Sexo Virtual pode ser utilizado para apimentar a relação ou até mesmo para o auto-conhecimento, mas nada substitui as relações sexuais reais, presenciais, com olho no olho, 
expressões faciais e o contato com o (a) parceiro (a).


18 de setembro de 2012

Me In My Place: o lar feminino e os hábitos invisíveis de uma mulher


"...Ser transportado para o espaço feminino é um privilégio. Não é qualquer um que é agraciado com esta dádiva. Uma mulher pode transar a noite inteira e fazer coisas impublicáveis na sua casa, por meses, anos, e nunca cogitar sequer chamá-lo para o sofá da sala dela."...


A felicidade está em descobrir o que você já tem!

Mais um post legal que li no Papo de Homem
Espero que gostem tbm!
=))


"...O que eu descobri é que eu já tinha tudo que eu precisava para ter felicidade, mas isso estava enterrado debaixo das minhas inseguranças, meu descontentamento com a vida e o meu desprezo por mim e pelo meu corpo. Eu já tinha tudo, mas esse “tudo” estava soterrado..."


13 de setembro de 2012

De mulheres comuns e safadas

Esse texto é de um blog que sempre leio - Papo de Homem, e gostei tanto que estou compartilhando...
Espero que gostem tbm!!
=))



"É tudo uma questão de
cumplicidade e química entre o casal..."

http://papodehomem.com.br/de-mulheres-comuns-e-safadas/


21 de agosto de 2012

...



“Farei o possível para não amar demais as pessoas, sobretudo, por causa das pessoas. 
Às vezes o amor que se dá pesa, quase como uma responsabilidade na pessoa que o recebe. 
E eu tenho essa tendência geral para exagerar, então resolvi tentar não exigir dos outros senão o mínimo. É uma forma de paz…
Também é bom porque em geral se pode ajudar muito mais as pessoas quando não se está cega de amor.”

- Clarice Lispector


14 de agosto de 2012

...


Queria ser a calma e a paz que vc precisa.
Queria ser a razão da sua alegria - se não de todas, a maior. 
Queria ser o que você precisa para ser feliz!!...

"Eu não posso acabar com todos os seus problemas, dúvidas ou medos, mas eu posso ouvir vc e juntos podemos procurar soluções.
Não posso apagar as mágoas do seu passado nem posso decidir seu futuro, mas no presente posso estar com vc se precisar de mim.
Não posso impedir que vc leve tombos, mas posso oferecer minha mão para vc se levantar.
Suas alegrias e sucessos não me pertencem, mas seu sorriso faz parte dos meus maiores bens.
Não é de minha alçada tomar decisões por vc, nem posso julgá-las, mas posso apoiar e ajudar se me pedir.
Eu não posso traçar ou impor limites, mas posso apontar outros caminhos, procurar com vc medidas de crescimento, meios de ser vc mesmo sem medo de rejeição.
Eu não posso salvar o seu coração de ser partido pela dor, mas posso chorar com vc e ajudar a juntar os pedaços.
Eu não posso dizer quem vc é ou como deveria ser: eu só posso te amar e estar com você sempre!!
NEOQEAV!!"


2 de agosto de 2012

Puuuutzz...!!!


No piores momentos da vida, 
levante a cabeça, estufe o peito e diga: 
Agora fudeu!!!!!


3 de julho de 2012

Tradução dos foras mais comuns...

O blog anda meio abandonado, eu sei...
Mas é que ando mesmo meio perdida, dividida entre o certo e o errado, entre o céu e o inferno, entre o real e o imaginário... Ando com tanta coisa na cabeça e ao mesmo tempo sem nada pra escrever.. Crise existencial, talvez... sei lá... rss

Massss..... pra não dizer que 'não falei das flores', achei essas dicas no UOL, e apesar de todo mundo estar careca de saber, achei legal compartilhar...

Tradução dos foras mais comuns

Fora: "O problema não é com você, é comigo"
Tradução: "O problema é, sim, com você"

Fora: "Não me sinto pronto(a) para viver um relacionamento"
Tradução: "Não me sinto pronto(a) para viver um relacionamento com você"

Fora: "Tenho outras prioridades no momento"
Tradução: "Ficar ao seu lado é a última coisa que quero agora"

Fora: "Você é demais para mim"
Tradução: “Eu quero ficar livre para me envolver com outras pessoas”

Fora: "Preciso de espaço"
Tradução: "Não quero compartilhar meu território com você"

Fora: "Funcionamos melhor como amigos"
Tradução: "Quero que você saia de vez da minha vida"

Leia a matéria completa Uol


26 de abril de 2012

Sou mesmo assim... rsss



16 de abril de 2012



16 de março de 2012

Estranho seria se eu não me apaixonasse por você...

"ESTRANHO SERIA SE EU NÃO ME APAIXONASSE POR VOCÊ..."
- Nando Reis em All Star
Ele: - E se vc me encontrasse no universo paralelo? Como seria? O que vc faria? 
Eu: - Seria do jeito que já é. Eu me apaixonaria por vc de novo. De um jeito muito estranho que não sei explicar, vc me tem, por inteira, corpo, alma e coração. E não sei se eu saberia como chegar até o final do dia sem vc. Nem no universo paralelo, nem nesse universo aqui...
Estar distante de vc me faz mal. Sentir essa distância a 5cm do seu abraço, da sua boca, do seu corpo me desespera!!
Vem aqui e me conta que estamos lado a lado, dentro, um do outro, misturados em nós... Olha nos meus olhos e diz que não vai me perder. Promete driblar esse meu eu meio infantil, e acalmar meu coração. Porque eu desejo, quero, busco o teu calor, os teus carinhos, o teu cheiro, os teus beijos, o teu sorriso, a tua boca, o teu olhar, as tuas mãos, a tua voz perto da minha... sempre!!


Só pra variar...

"...MAIS UMA DOSE? É CLARO QUE EU TÔ A FIM..."
- Cazuza em Por que que a gente é assim?

"Preciso me embriagar! Amor em doses cavalares, overdose de sonhos, paixão pra não caber em mim. Preciso encher as veias de esperança, ficar tonta com o seu veneno. 
Hoje eu queria dançar, até a beira da desidratação! 
Nada de exorcizar meus demônios, mas conviver com eles, me esbaldar em seus vícios, me permitir trangredir, só pra variar! 
Preciso esquecer do mundo, fazer amor até o sol raiar, ou até minhas forças se esgotarem, o que vier por último..."


13 de março de 2012

Autoestima X Egoísmo

"Num tempo em que a autoestima tem sido tão ovacionada, as pessoas têm confundido amor-próprio com individualismo e egoísmo.

Empolgadas com a possibilidade de se gostarem mais e reconhecerem com mais propriedade as suas qualidades, têm perdido o equilíbrio entre 'ser' e dar espaço para que o outro 'seja'.
Passam a valorizar tanto a idéia de que devem se amar como são e especialmente que merecem ser amadas exatamente do jeito que são, que se equivocam quanto ao que seja relacionamento, troca, amor e felicidade.

Tanto que tem sido muito comum ouvir alguém dizer convictamente coisas do tipo: 'se fulano realmente me amar, tem de me aceitar como sou'.
Embora haja um fundo de verdade nesta afirmação, existe uma enorme diferença entre aceitar você como você é e engolir tudo o que você faz sem reagir a nada.
Quando você diz 'não vou mudar só porque o outro acha que estou errado', sem ao menos refletir e considerar o que está sendo dito, isso é não amor-próprio e sim, falta de humildade e arrogância.

Relacionamentos são veículos sensacionais para que a gente consiga perceber nossas limitações e nossas dificuldades, mas se nos colocarmos como donos da razão, nos tornaremos cegos para a oportunidade de nos rever, ceder em alguns pontos e admitir que estamos enganados muitas vezes.
Precisamos considerar nossos enganos, dando razão ao outro para que possamos, através dos encontros, construir a verdadeira autoestima, e não muros que nos distanciam das pessoas, tornando-nos prepotentes e bem pouco atraentes.

A auto-aceitação é um sentimento excelente, desde que inclua a noção de que cometemos erros e principalmente de que só se pode ser feliz se, na mesma medida, soubermos aceitar o outro. Caso contrário, cairemos na armadilha da solidão como conseqüência de um egoísmo que repele em vez de atrair.

Perceba a diferença entre individualidade e individualismo. A primeira sugere nossa divina singularidade e a segunda sugere o radicalismo da primeira. É quando deixamos de reconhecer a divina individualidade do outro.
Amar a si mesmo só pode ser de fato uma conquista quando você compreende que não pode crescer sem a presença das pessoas, sem trocar com elas, cedendo e se impondo conforme o ritmo das circunstâncias...
Como numa dança - a dança de amar e ser amado!"

- Rosana Braga
Palestrante, Escritora e Consultora em relacionamentos afetivos.
www.rosanabraga.com.br


5 de março de 2012

18 de fevereiro de 2012

Vontades...


(...) Minha vontade é que ele me pergunte se quero um pouco de chá gelado e se eu gostaria de ver um dos seus filmes estirada nas grandes almofadas... Eu mais uma vez me pergunto como é mesmo que se faz a coisa mais profunda do mundo com total superficialidade. Como é que se ama sem amor? Como é que se entrega de dentro de uma prisão? Nunca soube.

...Ainda é cedo e eu preciso de amor. Só um pouquinho de amor... Quero que ele veja o quanto mudei por causa dele, na esperança de que seu riso congelado saia do automático e eu ganhe um único sorriso verdadeiro... Talvez meu amor tenha aprendido a ser menos amor só para nunca deixar de ser amor..."

— Tati Bernardi.


17 de fevereiro de 2012

Ahh.. Se você soubesse...

"... E no meio de tanta eu encontrei você.
Entre tanta gente chata, sem nenhuma graça... você veio!
Então.. Deixa eu dizer que te amo.. Deixa eu pensar em você..
Amor, I love you!..."


Ahh.. Se você soubesse...
Que quando sorri meu coração bate mais forte! Que quando você chega perto eu quase não respiro, e que o mais leve toque da sua pele na minha me faz perder o ar de vez! Que minhas pernas tremem quando você me abraça! Que seu beijo aguça meus sentidos e que é você quem eu mais quero e desejo!

Ahh.. Se você soubesse...
Que é o seu sorriso que ilumina o meu dia! Que a sua alegria me faz feliz demais! Que você é meu melhor motivo pra me sentir no céu, e no inferno também! Que nossas conversas me fazem sentir importante! Mas que seu silêncio grita dentro de mim! Que seu cheiro me acompanha aonde quer que eu vá! E que o pensamento em você me faz voar!

Ahh.. Se você soubesse...
Que é em você que eu penso todas as manhãs, e o resto do dia também! Que você me faz falta como nenhum outro fez! Que dos meus sonhos, o mais lindo é você! Que você é tudo pra mim e que sempre que me perguntam qual foi a melhor coisa que já me aconteceu eu respondo: foi você!


Ahh.. Se você soubesse que eu te amo tanto!...


8 de fevereiro de 2012

Foda-se!...



3 de fevereiro de 2012

Falando de amor..



É, eu sei, o mundo anda tão complicado, que falar de AMOR parece brega... Mas eu não ligo, que me chamem de brega, cafona... Eu hj acordei assim, com vontade de falar de AMOR.. 
AMOR que aquece a alma e nutre o corpo, o coração. AMOR que passeia de mão dada. AMOR que beija no meio de uma discussão, que abraça no meio do silêncio. AMOR que grita sem emitir nem um som. AMOR que tá na cara, explícito no olhar. AMOR que dá ânimo pra acordar, que dá força pra continuar. AMOR que acorda de madrugada, que aparece de surpresa, que liga sem hora marcada. AMOR inteiro, livre, leve e solto. AMOR presente, confiante, junto, mesmo quando está distante. AMOR pra sempre, pra tudo, pra toda a vida. AMOR. AMOR. AMOR.


10 de janeiro de 2012

...



4 de janeiro de 2012

Ano novo.. Vida nova..


Sabe aquela coisa de lista de ano novo, de rever os prós e contras do ano que passou, e talz? Então. Nunca dei muita bola pra isso, mas talvez por conta dos acontecimentos gerais, esse final de ano me peguei fazendo esse balanço.. Cheguei até a rascunhar uma lista mesmo, pra ver que 'bixo' dava..
Achei que ia ser difícil lembrar de tudo, então, pra facilitar, resolvi só anotar os fatos, tentando ser o mais honesta e verdadeira possível, e percebi que lembrava de mais coisas do que imaginava, e a listinha foi saindo.
Mas conforme anotava os prós e contras, percebi que coisas que eu queria muito lembrar tinham perdido um pouco o brilho e coisas que eu queria muito esquecer ganhavam brilho de novo, e fui ficando confusa.. mesmo que fosse possível 'consertar' o que eu queria, seria impossível reverter todas as reações geradas pelas ações, e aí desisti antes mesmo de acabar..

Balanço Geral: 2012.. Ano novo, vida nova?
- não sei.. mas EU quero ser NOVA!!... quero pelo menos quero tentar...